Portal NOticias de Uruçui

Jardins de Manuella
Será nesta sexta-feira dia 14

Audiência Publica discutirá a criação de Conselho de combate às drogas em Uruçuí

Publicada em 13 de Dezembro de 2012 às 17h09


Mário Primo reuniu pessoas para discussão Mário Primo reuniu pessoas para discussão Acontecerá nesta sexta-feira dia 14 no plenário da Câmara de Vereadores uma Audiência Publica com a participação de lideranças eclesiásticas, políticos e a população que se interessar para discutir a criação do Conselho Municipal de Políticas sobre Drogas (COMAD) em Uruçuí, legislação específica alinhada a Secretaria Nacional de Política Sobre Drogas (SENAD) do Governo Federal tendo em vista o forte impacto social produzido pelo número cada vez mais crescente de usuários de crack e outras drogas ilícitas no referido município.

» Siga-nos no Twitter
Um dos organizadores, o médico Mário Primo, disse que está bastante otimista em relação ao assunto. Primo recebeu algumas pessoas em sua residência na noite desta quinta-feira (12) para traçar como acontecerá o evento.

Na Audiência Publica está confirmada a presença de uma pessoa ligada ao Conselho estadual de combate ás drogas.


PARA O NATAL
Ainda no sentido de organização social, Mario Primo está entre os principais organizadores da Campanha que visa arrecadar cestas básicas para serem distribuídas neste natal. As pessoas interessadas em colaborar com doações devem procurar as igrejas Batista de Uruçuí, Comunidade Cristã e Assembleia de Deus Missão, ou mesmo procurar o médico Mário Primo.



Além da cestas básicas, calçados e roupas usadas também serão doadas aos mais carêntes



PROJETO DE COMBATE ÁS DROGAS - Projeto Fé Viva Uruçuí.

Fundamentalmente, este projeto se baseia na convicção da aplicação dos valores e princípios da FÉ CRISTÃ como alternativa eficaz na resolução de mazelas vivenciadas pela sociedade de Uruçuí.
A presente ideia se justifica pelo urgente clamor da população de Uruçuí no que se refere a promoção de ações sociais relevantes dirigidas as suas necessidades mais básicas (tais como saúde, educação, saneamento básico, moradia). Alia-se a isso a carência de politicas públicas dirigidas para essas finalidades, o que destaca o pioneirismo e a relevância social deste projeto.

OBJETIVOS

GERAL:
? Promover ações estratégicas essencialmente sociais que expressem amplamente os valores e princípios cristãos atendendo oportunamente as demandas sociais mais urgentes vivenciadas pelo segmento mais desfavorecido de cidadãos uruçuienses.

ESPECIFICOS:
? Expressar amplamente os princípios e valores cristãos no âmbito social por meio de ações essencialmente sociais dirigidas a segmentos menos favorecidos da população do município de Uruçuí;
? Desenvolver ações sociais no município de Uruçuí que produzam impacto na integralidade da vida das famílias por elas assistidas;
? Estimular a participação de toda a sociedade envolvendo os poder publico, iniciativa privada, organizações não governamentais e sociedade civil na execução desse projeto;


METODOLOGIA
A primeira edição do projeto acontecera durante os dias 14 e 15 de dezembro de 2012 no município de Uruçuí compreendendo as seguintes atividades:
1. Desenvolvimento de ações profissionais no bairro Alto Bonito;
2. Atividades voltadas para o público infantil;
3. Distribuição de 300 cestas básicas para famílias mais carentes cadastradas pela equipe do projeto;
4. Realização de audiência publica para a discussão da temática de Enfrentamento ao Crack e outras drogas além da proposição da criação do Conselho Municipal de Políticas Sobre Drogas no município de Uruçuí;
5. Evento público no encerramento das atividades do projeto.
RECURSOS UTILIZADOS


Todos os recursos empregados para a realização da primeira edição do Projeto FÉ VIVA URUCUÍ são provenientes exclusivamente de doações voluntarias de cidadãos comuns, empresários, instituições privadas, não governamentais e dos órgãos públicos das esferas municipal, estadual e federal.
As despesas previstas para a realização são da ordem de R$12.000
(doze mil reais) direcionadas para o custeio das 300 (trezentas) cestas básicas. Será emitido um relatório com a prestação de contas de toda a movimentação financeira e divulgado abertamente para todos os interessados e colaboradores do projeto.


RESULTADOS ESPERADOS
Espera-se com alcançar diretamente 300 famílias carentes do município de Uruçuí pelas ações desenvolvidas por este projeto além de despertar em todos os voluntários colaboradores o desenvolvimento da prática de obras que expressem amplamente os princípios e valores cristãos no atendimento de necessidades urgentes experimentadas por segmentos menos favorecidos dos cidadãos uruçuienses.



NESTA MATÉRIA SERÃO PERMITIDOS SOMENTE COMENTÁRIOS VIA FACEBOOK.
Tags: Audiência Publica - Conselho

Fonte: Da redação  |  Publicado por: Redação Uruçui
Comente através do Facebook
Matérias Relacionadas
Publicidade
Publicidade
Publicidade Cerrados Restaurante