Portal NOticias de Uruçui

Anuncie sup 970x90
Milhares de pessoas participam

'Corrupção é ato de violência. Queremos paz', diz padre Tony na Caminhada da Fraternidade

Publicada em 11 de Junho de 2017 às 14h50


Com o tema 'Somos da Paz', milhares de fiéis participaram na manhã deste domingo (11) da 22ª Caminhada da Fraternidade em Teresina. O evento iniciou com uma missa celebrada pelo arcebispo Dom Jacinto, que deu a benção aos participantes.

» Siga-nos no Twitter
» Participe da comunidade no Orkut

Em seu discurso, Padre Tony Batista, organizador da caminhada, caracterizou o terrorismo na Europa e a corrupção no Brasil como atos de violência. O pároco pediu paz, que segundo ele, é fruto da justiça.

"Hoje em todo lugar que fomos temos inimigos, tem guerra. É o terrorismo na Europa, é a violência e a roubalheira no Brasil, é a falta de educação, é a falta de respeito. Tudo é violência e o que nós queremos é paz, que é fruto da justiça. Ninguém deve ser inimigo de ninguém, devemos ter respeito uns pelos outros. Se existir justiça, se não tivermos um parlamento digno, mulheres e homens novos, não teremos um Brasil novo. Isto é paz!", comentou o padre.

A cadeirante Graça Mota, de 101 anos, conta ter participado de todas as edições da caminhada e acha importante o encontro, porque celebra a união. Ela elogiou o tema escolhido para deste ano e frisou que o país precisa hoje é de paz.

"Aqui a gente encontra pessoas de todas as cidades, participando de algo em comum. Eu rezo todos os dias para que o país tenha muita paz. Enquanto tiver viva, vou vir para a Caminhada da Fraternidade", declarou.

Acompanhada dos quatro fihos e das duas sobrinhas, Sirnandia Fontineli revelou que a família repete a tradição de participar da Caminhada da Fraternidade há sete anos, em agradecimento pela saúde da afilhada Grazielly. Atualmente com 10 anos, a menina foi diagnosticada aos 3 anos com diabete e conseguiu equilibrar a glicose depois da promessa da tia.

"A glicose dela não baixava e desde que decidi participar da caminhada, a saúde dela melhorou. Agora todos os anos a gente vem, como forma de agradecimento pela promessa alcançada desde o primeiro evento. Mesmo quando eu partir, meus filhos e sobrinhos terão que continuar, porque a promessa é para toda a família", contou Sirnadia.

A pequena Grazielly Fontineli diz animada que sempre gostou da caminhada e acha divertido. "Além de participar com a minha família, aqui encontro alguns amigos na caminhada. Estou acostumada até com o cansaço", comentou.

A caminhada seguiu pela Avenida Frei Serafim, depois pela Avenida Nossa Senhora de Fátima até Avenida Dom Severino, na Zona Leste de Teresina. O encerramento aconteceu no estacionamento da Ponte Estaiada.


Com informações do G1-PI
Tags: padre Tony - Caminhada

Fonte: Da redação  |  Publicado por: Da Redação
Comente através do Facebook
Matérias Relacionadas
Publicidade
Publicidade
Publicidade Cerrados Restaurante
Publicidade
Publicidade