Portal NOticias de Uruçui

Faça seu banner com a gente
Viu medidas contra grilagem

Governador Wilson Martins destaca o Cerrado do PI e fala da grilagem de terras

Publicada em 14 de Agosto de 2013 às 15h30


O governador Wilson Martins esteve reunido esta semana com a presidente do Tribunal de Justiça do Piauí, a desembargadora Eulália Pinheiro, com o desembargador Francisco Paes Landim, deputado Fábio Novo, deputado estadual Antônio Félix, desembargador Constantino Graúna, do Tribunal de Justiça do Amapá, para discutir medidas contra grilagens de terras no Piauí.

» Siga-nos no Twitter
Wilson Martins falou que a não regularização fundiária é um dos entraves para o desenvolvimento do Piauí. Ele falou que o Piauí tem 25 milhões de hectares de terras, sendo que 12 milhões são dos cerrados, e dessas, só 6 milhões são agricultáveis.

Segundo ele, há três décadas não se imaginava a importância dos cerrados, de forma socioeconômica para o Estado e que é necessário agora um programa específico para o combate à grilagem.

O governador falou que existe um projeto piloto em Santa Filomena para regularização de 100 mil hectares de terra e que existe um preocupação com a questão ambiental, porque 13 % são de áreas preservadas.

O presidente do Instituto de Terras do Piauí (Interpi), Tadeu Maia, disse que muitos dos problemas fundiários que o Piauí enfrenta hoje são causados pela ausência do Estado no passado, o que gerou ocupação desordenada e, consequentemente, grilagem. ?O governo hoje está tomando as medidas necessárias?, disse Tadeu Maia.

O presidente do desenvolvimento agrário do Ceará, Ricardo Durval, afirmo que no Ceará predomina o minifúndio. ?Uma das soluções é georreferenciar todas as propriedades?, disse ele.
Tags: Wilson Martins - Cerrado - grilagens

Fonte: Da redação  |  Publicado por: Redação Uruçui
Comente através do Facebook
Matérias Relacionadas
Publicidade
Publicidade Cerrados Restaurante
Publicidade