Portal NOticias de Uruçui

Faça seu banner com a gente
Brasil perde um dos melhores

Muita comoção e aplausos marcam o enterro do corpo de Gugu Liberato

Publicada em 29 de Novembro de 2019 às 20h01



Era cerca de 12h10 quando o caixão contendo o corpo de Gugu Liberato foi sepultado no cemitério Gethsêmani, na região do Morumbi, na zona oeste de São Paulo, nesta sextra-feira (29/11). Acompanhado de perto por fãs, o enterro aconteceu sob aplausos e um coro de "Força, família" cantado pelo público. A reportagem é do R7.

» Siga-nos no Twitter
Assim como aconteceu no velório, a emoção de familiares, entre eles João Augusto, filho mais velho de Gugu, Dona Maria do Céu, mãe do comunicador e o irmão Amandio Liberato, comoveu os presentes. Abraçada com o filho, a mulher de Gugu, Rose Miriam chorou muito durante o sepultamento.

Gugu foi enterrado no jazigo da família, ao lado do pai, Augusto Claudino Liberato. Uma coincidência de datas marcou a cerimônia fúnebre: pai e filho foram sepultados com exatos dez anos de intervalo.

Uma grande estrutura foi preparada para a cerimônia de despedida. Grades espalhadas pelo cemitério separavam a área restrita à familiares e aos amigos. Bancos, uma cadeira de rodas e uma equipe de paramédicos ficaram a postos para o caso de necessidade. A principal preocupação era com Dona Maria do Céu, de 90 anos.

O corpo de Gugu deixou a Assembleia Legislativa de São Paulo pouco depois das 10h. O cortejo até o cemitério foi feito em carro aberto do Corpo do Bombeiros. João Augusto seguiu dentro do veículo que transportava o caixão do pai na companhia de um primo. Os demais familiares e alguns amigos seguiram em vans.

Durante todo o trajeto, pessoas nas ruas aplaudiram o cortejo. A cena se repetiu na chegada ao cemitério. Os fãs também gritavam "Ei, Gugu, já disse que te amo hoje?", assim como foi feito durante as gravações do Canta Comigo.

A chegada de Dona Maria do Céu foi aplaudida pelos fãs do apresentador. Em apoio, gritaram: "Dona Maria, força e fé". Emocionada, e ela acenou em resposta ao público.

Antes do enterro, foi feita uma breve cerimônia de despedida para o apresentador, com discursos e uma trombeta fúnebre.

O público cercou a van que levava os familiares de Gugu na saída do cemitério e aplaudiu muito. Antes de sair do cemitério, Rose Miriam, viúva de Gugu, desceu do veículo e falou rapidamente com os jornalistas. "Se hoje eu sou uma pessoa um pouco melhor, eu devo isso ao Gugu, aos meus filhos e a Deus. Ele foi uma pessoa maravilhosa. Agora, está aqui no meu coração, nos meus filhos". disse emocionada.

Ao término do funeral, os fãs cercaram o túmulo e fizeram uma oração.

Acidente

A morte do apresentador Gugu Liberato foi anunciada em 22 de novembro, aos 60 anos, em Orlando, nos Estados Unidos. O comunicador da Record TV estava internado há dois dias no hospital Orlando Health, quando sofreu uma queda de quatro metros em casa e bateu gravemente a cabeça. Ele foi levado para o hospital já inconsciente e teve morte cerebral.

A informação foi confirmada em nota assinada por familiares e funcionários de Gugu e divulgada pela assessoria de imprensa do apresentador.

"Este é um momento que jamais imaginamos viver. Com profunda tristeza, familiares comunicam o falecimento do pai, irmão, filho, amigo, empresário, jornalista e apresentador Antônio Augusto Moraes Liberato (Gugu Liberato), aos 60 anos, em Orlando, Florida, Estados Unidos", disse o texto.

A família autorizou a doação de todos os órgãos, como era um desejo dele. O apresentador foi homenageado no hospital antes da cirurgia e, segundo a equipe médica, até 50 pessoas poderiam ser beneficiadas com o gesto.

Gugu deixou mulher, a médica Rose Miriam di Matteo, e três filhos: João Augusto, de 18 anos, e as gêmeas Marina e Sofia, de 15 anos.


Com informações do 180graus
Tags: comoção - Gugu Liberato

Fonte: Da redação  |  Publicado por: Da Redação
Comente através do Facebook
Matérias Relacionadas
Publicidade Cerrados Restaurante
Publicidade
Publicidade