Portal NOticias de Uruçui

Hibisco
Procurador que a manutenção

PAES LANDIM: Julgamento no TRE sela o destino do município nesta terça-feira

Publicada em 24 de Março de 2019 às 16h07


(Foto: Divulgação) (Foto: Divulgação)

Marcada para a próxima terça-feira, 26, o julgamento pelo Tribunal Regional Eleitoral do Piauí ? TRE, de um dos dois recursos impetrados pelo candidato derrotado no pleito municipal de 2016, em Paes Landim. A Ação de Impugnação de Mandato Eleitoral ? AIME, declarou a inelegibilidade e cassou os diplomas do prefeito e vice-prefeito do município, Gutemberg Moura, o Gutim, do PT, e Josimá Mauriz, do PRB, respectivamente, pelo juiz de piso, Leon Eduardo Rodrigues Sousa.

Esta AIME tem robusto material comprobatório contra o prefeito Gutim. A mais relevante é uma gravação onde o prefeito aparece demitindo uma funcionária da Prefeitura poder divergência política e em plena vedação eleitoral.

A gravação já foi periciada pela Polícia Federal. Os peritos atestam a autenticidade da prova material, reconhecendo que a voz na gravação como sendo mesmo a do prefeito Gutim.

Além da sentença em primeira instância, essa Ação tem parecer favorável do Procurador Federal, Patrício Noé. O que dá aos membros dos grupos de oposição no município a tranquilidade de que a sentença será mantida.

Só um fato preocupa. Seria uma interferência política, uma vez que o governador Wellington Dias é natural de Paes Landim e ainda que a AIME envolve um parente próximo dele (Gutim é primo legítimo do governador). Nos corredores da Prefeitura comenta-se que por conta disso, dificilmente Gutim seria removido do cargo.

Se o TRE confirmar a decisão do juiz Leon Rodrigues, o prefeito será afastado imediatamente, uma vez que a decisão não teria efeito suspensivo, ou seja, mesmo recorrendo Gutim teria que ser afastado. Nesse caso assume a Prefeitura, o presidente da Câmara Municipal, Idelbrando Borges Pereira. Ele ficaria no cargo até que a Justiça Eleitoral realize eleição suplementar no município.

Nessa nova eleição concorriam o candidato do grupo do prefeito, o empresario Francinaldo Moraes, do PT, um dos maiores construtores do Piauí e maior fornecedor da Prefeitura de Paes Landim. A oposição trabalha os nomes de Vânia Carvalho ou Thalles Moura Fé Marques, esposa e filho do ex-prefeito Carlos Alberto.

Tem ainda o grupo do presidente Câmara Municipal, vereador Ildebrando Borges. O grupo dele deixa claro que numa eleição suplementar não abre mão de Ildebrando Borges entra na disputa.

Espera-se um grande número de lideranças de Paes Landim na sessão do TRE, da terça-feira, 26. O resultado do julgamento sela de uma vez por todas o destino político do município.


Com informações do ValorizaPiauí


» Siga-nos no Twitter
Tags: PAES LANDIM - TRE

Fonte: Da redação  |  Publicado por: Da Redação
Comente através do Facebook
Matérias Relacionadas
Publicidade Cerrados Restaurante
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade