Portal NOticias de Uruçui

Clinica ISO topo
Prefeito está inelegível

T.R.E cassou o mandato do Prefeito Alcebíades Borges da cidade de Antonio Almeida

Publicada em 07 de Fevereiro de 2011 às 12h49


Ele ficou inelegível por oito anos e terá que pagar multa no valor de R$ 30 mil.
Mais um prefeito do Piauí foi julgado hoje (07) pelo Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI). Alcebíades Borges do Rego (PSDB) é prefeito do município de Antonio Almeida e é acusado de abuso de poder político, econômico e de autoridade captação ilícita de sufrágio (compra de votos), uso indevido e veículo ou meio de comunicação nas eleições 2008.

O julgamento que deveria ter acontecido na última quarta-feira (02), foi adiado por causa de um problema técnico no computador do relator do processo, Desembargador Haroldo Rehem, que perdeu todas as considerações feitas na votação.

Por unanimidade, Alcebíades Borges teve seu mandato cassado, ficou inelegível por oito anos e terá que pagar multa no valor de R$ 30 mil. O município terá nova eleição, basta agora o TRE-PI marca a data. O TRE-PI agora decide quando vai acontecer a nova eleição suplementar, de forma direta, para escolha do novo prefeito do município. Com este sobe para 45 o número de prefeitos cassados. Pode ainda recorrer junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Ainda nesta segunda será julgado o prefeito de Cajueiro da Praia, Girvago Albuquerque da Silva (PRB), acusado de compra de voto, abuso de poder político e econômico. A cidade tem 7.163 habitantes e 5.524 eleitores. Dos 224 prefeitos eleitos em 2008, passa para 45 o número de prefeitos que já foram cassados pela Justiça Eleitoral. Alguns ainda se mantêm no cargo por conta de liminar.


» Siga-nos no Twitter
» Participe da comunidade no Orkut

Tags: Alcebíades - Antonio Almeida - Prefeito cassado

Fonte: GP1  |  Publicado por: Redação Uruçui
Comente através do Facebook
Matérias Relacionadas
Publicidade Cerrados Restaurante
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade