Portal NOticias de Uruçui

Hibisco
GOVERNADOR E VICE AMEAÇADOS

TSE RECEBE pedido de cassação contra Wilsão e Zé Filho

Publicada em 11 de Fevereiro de 2011 às 19h09


Governador Wilsão Martins e vice Zé Filho Governador Wilsão Martins e vice Zé Filho O Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) apresentou no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recurso contra expedição do diploma do governador reeleito do Piauí, Wilson Martins (PSB) e do vice, Antônio José de Morais Sousa Filho, o Zé Filho (PMDB). Ambos são acusados de suposta captação ilícita de sufrágio (compra de votos) e uso de propaganda irregular em municípios piauienses.

A informação consta no site do TSE (www.tse.gov.br), publicada às 15h38 (horário de Brasília). Conforme o recurso protocolado pelo PSDB, em agosto do ano passado, teria sido instaurada uma investigação afim de apurar se os funcionários do setor de identificação da localidade de Parnaíba estariam sendo obrigados a atender pessoas identificadas por senhas específicas, ligadas a policiais civis, com o intuito de expedir carteiras de identidade.

Segundo relata o PSDB, "eleitores eram abordados por pessoas ligadas aos candidatos", sendo levadas ao Setor de Identificação Criminal de Parnaíba (PI) em veículos dirigidos por correligionários e cabos eleitorais do governador para obter o documento de identidade. No local, receberiam a senha de cor amarela, a mesma cor do Partido Socialista Brasileiro (PSB) e não pagariam taxa para solicitar a expedição do documento de identidade. Há denúncia também de que muitos eleitores de vários municípios da grande região de Parnaíba estariam sendo procurados e cadastrados pelos cabos eleitorais dos candidatos representados para receberem o benefício de gratuidade na emissão de suas carteiras de identidade, aponta o PSDB ao pedir a cassação do diploma de Wilsão e Zé Filho.



DEPOIS DE PARNAÍBA, PIRACURUCA, BATALHA...

Além da acusação em Parnaíba, também no município de Piracuruca-PI, o PSDB informa que um vereador do município foi denunciado por suposta prática de crime de corrupção eleitoral. O vereador estaria vestindo uma camisa com adesivo do candidato ao governo e aliciando eleitores para que votassem em seus candidatos por meio de distribuição de santinhos, no dia da eleição. Também entre os dias 15 e 17 de outubro do ano passado, já pertinho da eleição, no município de Batalha-PI, foi realizado o evento cultural denominado "VI Festa do Bode de Batalha", organizado pela Prefeitura e pelo SEBRAE. O evento busca valorizar a potencialidade da região na criação de rebanhos caprinos. Há denúncias de que o evento teria sido transformado em um palanque eleitoral em que todas as autoridades do local estariam usando adesivos com "botons" com o número do representado, governador Wilson Martins, diz o PSDB no recurso, apontando ainda a utilização de prédios públicos no apoio ao evento.

ACUSAÇÃO TAMBÉM DE ABUSO DE PODER ECONÔMICO

O PSDB, que teve como candidato a governador Silvio Mendes, derrotado por Wilsão, alega ainda, que "os requeridos além de buscar corromper a vontade dos eleitores, abusaram do poder econômico e político desde o momento em que o governador assumiu a titularidade do cargo." De acordo com o recurso, foram protocoladas onze representações e oito AIJEs que denunciam a prática de atos abusivos, utilização de bens imóveis pertencentes à Administração Pública. De acordo com o artigo 41-A, da lei 9.504/97 (Lei das Eleições), "Constitui captação de sufrágio, vedada por esta Lei, o candidato doar, oferecer, prometer, ou entregar, ao eleitor, com o fim de obter-lhe o voto, bem ou vantagem pessoal de qualquer natureza, inclusive emprego ou função pública, desde o registro da candidatura até o dia da eleição, inclusive, sob pena de multa de mil a cinqüenta mil Ufir, e cassação do registro ou do diploma". Diante disso, o PSDB requer a cassação do diploma de Wilson Nunes Martins, eleito governador do Piauí e seu vice, Antonio José de Morais Sousa Filho, por "terem sido eleitos com arrimo em práticas que denotam a captação de sufrágio e abuso de poder econômico e político".

» Siga-nos no Twitter
» Participe da comunidade no Orkut

Tags: Wilsão e Zé Filho - compra de votos

Fonte: 180graus.com  |  Publicado por: Redação Uruçui
Comente através do Facebook
Matérias Relacionadas
Publicidade
Publicidade Cerrados Restaurante
Publicidade
Publicidade
Publicidade