Portal NOticias de Uruçui

Hibisco
Campeã com o enredo Sem Droga

Ziriguidum é campeã do carnaval 2016 em apuração marcada por confusão

Publicada em 10 de Fevereiro de 2016 às 23h50


Após ficar de fora do desfile em 2015 Após ficar de fora do desfile em 2015 Após apuração realizada na tarde desta quarta-feira (10) no Teatro de Arena da Praça da Bandeira, no Centro de Teresina, a escola de Samba Ziriguidum foi declarada campeã do Carnaval 2016, seguida pela Sambão em segundo lugar e pela Brasa Samba, que ficou com a terceira posição. O resultado gerou reclamação de outras escolas, principalmente da Brasa Samba, que questionou o preparo dos jurados.

» Siga-nos no Twitter
» Participe da comunidade no Orkut

As escolas foram avaliadas com notas entre 7 e 10 em 20 quesitos. No somatório total, a Ziriguidum garantiu o título com 173,7 pontos e levou o prêmio de R$ 10 mil. A Sambão, com 172,5, foi vice-campeã e foi premiada com R$ 7 mil; e a Brasa Samba, com 171,1, completou o pódio e foi premiada com R$ 4 mil.

O presidente da campeã, Marcos Monteiro, comemora o resultado, que ele vê como natural. ?É um sentimento de alegria, pois nós trabalhamos para isso (ser campeão). O esforço foi de todos, não tínhamos hora para trabalhar, e agora colhemos os frutos?, comentou o carnavalesco, em meio a comemoração que está sendo realizada na sede da escola.

A Ziriguidum foi para a avenida cantando o enredo ?Sem Raiva, Sem Droga, Sem Dor: Só Samba, Saúde e Amor?, tema escolhido pelo carnavalesco Pereira Falazar e pelo presidente de honra Fernando Monteiro, com letra de Francisco Magalhães e melodia e harmonia do enredo por Francy Monte e Osnir Veríssimo.

Reclamações
Outras escolas questionaram o resultado. Durante a apuração das notas, chegaram a ocorrer bate-bocas entre integrantes de diferentes escolas. A presidente da Brasa Samba, Eliane Oliveira, argumenta que faltou preparo dos jurados em algumas avaliações. Ela cita como exemplo o quesito Evolução, no qual a Ziriguidum teve nota máxima, o que ela considera estranho. ?Acho que deveria ter alguém que entendesse mais. Outra escola teve problemas com carro quebrado, o último nem passou pela comissão, e ainda tirou nota maior que a da gente (em evolução)? A gente não entende?, diz ela.

Apesar das reclamações, Eliane diz que não pretende entrar com recurso para anular a apuração e já pensa na próxima disputa. ?Eu não vou entrar com recurso porque sou contra esse tipo de coisa, e na minha opinião a escola ganhou. A população teresinense inteira está questionando isso, e a gente fica decepcionado com o resultado. O nosso julgamento não foi compatível com o desfile que a gente fez e isso é revoltante. Mas paciência, isso é de quem compete. A gente tem que aceitar e se preparar para o próximo ano?, afirma.

Para o secretário de cultura de Teresina, Lázaro do Piauí, a escolha dos jurados foi feita de acordo com a capacidade de cada um, e sob a permissão das escolas. "Pedimos para a Liga fazer a escolha dos jurados e eles não toparam, porque confiaram na nossa escolha. Para avaliar samba-enredo, havia músicos, para avaliar dança, grandes dançarinos, etc. Todo mundo que estava ali era gente de notório saber na sua área, então não tenho o mínimo receio sobre a capacidade de cada um", explica.


Do G1-PI
Tags: Ziriguidum - carnaval

Fonte: Da redação  |  Publicado por: Da Redação
Comente através do Facebook
Matérias Relacionadas
Publicidade
Publicidade
Publicidade Cerrados Restaurante
Publicidade
Publicidade